PRIMAL (O.S.T)
Ordem e Caos



Beyond - 28 / 06 / 07

 

PRIMAL foi um dos jogos mais aguardados do seu ano, sobretudo para os jogadores da comunidade Playstation 2. Todavia após o seu lançamento, o público e crítica dividiram-se: enquanto que alguns justificavam as razões do seu descontentamento, outros promoviam a ideia de que toda a especulação não tinha sido em vão. Parece haver um consenso de que PRIMAL não é isento de algumas graves falhas, talvez o preço a pagar por querer expandir de forma tão dramática os limites nos jogos de acção e aventura.

Independentemente do sucesso de mercado e de crítica do jogo, um aspecto nele permanece intacto e esse nunca esteve - pelo menos a meu ver - em questão: a primorosa banda-sonora de Bob'n'Barn, nome para uma coligação de músicos e artistas que já tinham colaborado com a Cambridge Studios em MEDIEVIL.

O investimento na aventura de Jen e Scree foi de tal forma avultado que os estúdios optaram por criar duas frentes na criação da banda-sonora do jogo, uma orquestrada à qual já fiz menção e uma outra de temas rock de inspiração heavy-metal, produzidas pela banda do underground inglÍs, Vault 13. A alternância tão abrupta entre temas minuciosamente orquestrados e interpretados e os ruídos indistintos do grupo musical inglês resulta numa experiência sufocante.

A peça musical aqui em questão apenas inclui o grupo de 20 temas e variações que, no fundo, compõe a verdadeira banda-sonora do jogo. Todos eles são temas únicos e de um elevado requinte e que não deixam de transparecer as inteligentes referências que os seus compositores tomaram como inspiração para esta trabalho. Desde pequenas variações melódicas ao género do Aprendiz de Feiticeiro de Paul Dukas até aos mais eloquentes misticismos de Danny Elfman, os temas munem-se de grande variedade temática e ilustram as diversas situações de jogo - o que raramente ocorre na maioria dos jogos de video. Faço um especial destaque aos temas do segundo mundo do jogo, Aquis, onde os coros harmoniosos traduzem a imersão do mundo aquático, não isentos às eventuais referências à obra-prima de Alan Silvestri, a banda-sonora do filme O Abismo.

Apesar das inspirações, que de qualquer forma só estarão ao alcance dos mais atentos ouvintes, esta obra de Bob'n'Barn não deve ser considerada desinspirada, pelo contrário: esta é, sem dúvida, uma das melhores e mais poderosas bandas sonoras orquestradas de um videojogo desta geração.


AUTORIA: Paul / Barnabas, Andrew [Bob & Barn]

TEMAS: 20

EDITORA: Silva America

ONDE COMPRAR? Amazon.com

 
Só serão considerados os comentários válidos. Ir para o topo da página Voltar ao início
   
COREgaming COReplay COREvision ? Aquivo Beyond Perfil Coregamers
 
 
© COREGAMER 2007 - Todos os textos e imagens originais não devem ser copiados, publicados ou modificados sem autorização prévia dos seus criadores e webmaster. WEBDESIGN, HTML e FLASH da autoria de BrunoF. Site optimizado para Mozilla FIREFOX.
Só serão considerados os comentários válidos. Ir para o topo da página rez